Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


06 março, 2008

José Augusto fala sobre Alcione

Fonte: Extra On Line
Quem se lembra daquela voz emocionada que embalava a abertura da novela "Bebê a bordo"? Ela está de volta! Ou melhor, ele! Depois de anos sumido do mercado, José Augusto gravou seu primeiro DVD na semana passada, na sede da gravadora Universal, e ainda recebeu amigos como Alcione. Além de cantar "O que eu faço amanhã" e "Não quero dinheiro", a Marrom ainda chamou o cantor para fazer "sexo rapidinho" em momento de brincadeira.
"Quer casar comigo, Marrom?", perguntou ele. "Vamos fazer um sexo rapidinho que essa introdução é longa", devolveu ela.
Alcione foi a primeira cantora famosa que gravou uma música de José Augusto. Além dela, ele convidou para participar do DVD Chitãozinho e Xororó, Roupa Nova e The Originals.
"Ela é a artista mais legal e generosa desse meio. Se mantém fiel aos amigos e ao que acredita. Ela só me abriu portas. Depois que gravou minha música, cantoras como Fafá de Belém e Simone também quiseram composições”, contou o músico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário