Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


21 setembro, 2008

Alcione no "Samba de Primeira"



Recebida por Jorge Perlingeiro, Alcione marcou presença juntamente com Carlos Colla, Mara Manzan, Tchakabum, Virna (ex-atleta da seleção de vôlei), e algumas candidatas ao concurso de Rainha do Carnaval Carioca, no programa Samba de Primeira de hoje, 21 de setembro.


Visivelmente mais magra, a Marrom cantou ao vivo Mangueira é Uma Mãe e brincou com Perlingeiro que elogiando a voz dela disse: ''Ah... eu com uma nega com essa voz! Só precisava dela, casa, comida e roupa lavada''. Alcione emendou: ''Eu te ofereci tudo isso, agora que eu sou famosa eu não te quero!'', arrancando risos de todos os presentes e com certeza dos telespectadores.



Recebeu cestas de produtos dos patrocinadores do programa e flores vermelhas da Itaipava, patrocinadora oficial dela também. Cantarolou ao lado de Carlos Colla a música Verdade Chinesa e encerrou o programa cantando Quando o Amor Bateu na Porta, que dedicou para a candidata da Mangueira à Rainha do Carnaval!

Um comentário:

  1. Acabei de chegar do show que a marrom fez no IAPI da Penha no Rio de Janeiro só tenho uma palavra para dizer senssacional e ponto, ela é maravilhosa. Sua simpatia, sua alegria é contagiante.

    ResponderExcluir