Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


02 fevereiro, 2009

Alcione: Canto do Mar.

"Canto do Mar", música de Totonho e Paulinho Rezende, do segundo disco, Morte de Um Poeta, de 1976. Uma homenagem do nosso blog à Rainha do Mar.



Quem vem lá, da beira da manhã
É o dia clareando, são os olhos de Nanã

Quem vem lá, da beira da manhã
Yemanjá chegando à procura de Iansã
Quem vem lá, da beira da manhã
É o dia clareando, são os olhos de Nanã

Quem vem lá de tão distante
Trazendo estrelas na mão
Um olhar tão verdejante
E o mar como seu chão

Não é lua ensolarada
Nem é sol enluecido
Essa moça que é chegada
Traz um sonho adormecido

Quem vem lá, da beira da manhã
Yemanjá chegando à procura de Iansã
Quem vem lá, da beira da manhã
É o dia clareando, são os olhos de Nanã

Quem vem lá vem procurando
No reino verde a verdade
Que ela soube estar morando
Numa encantada cidade

Onde areia é ouro em pó
Onde a vida não termina
Onde o que se ouve é só
O canto de Janaína

Quem vem lá, da beira da manhã
Yemanjá chegando à procura de Iansã
Quem vem lá, da beira da manhã
É o dia clareando, são os olhos de Nanã

Nenhum comentário:

Postar um comentário