Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


03 março, 2009

Alcione no desfile das campeãs.

Por Carlos Fernando Marão

O sol ameaçava desaparecer quando Alcione perguntou se estávamos todos do lado de fora. Trancou a porta de casa e nós seguimos rumo à Sapucaí, naquela tarde magnífica, em que uma brisa maliciosa ditava o tom de irreverência que a noite teria!

Audaciosa no melhor sentido da palavra, vestida com uma blusa verde com detalhes de chitão bordado, nossa negona estava linda como sempre! Beleza realçada graças ao primoroso trabalho de Michel e Meime (que capricharam nessa sombra verde – era a primeira vez que eles usavam nela – e ficou linda!).

Chegamos e fomos direto ao camarote da LIESA. Fomos uns dos primeiros e pudemos ter o privilégio de escolher o lugar perfeito de onde veríamos o desfile! Quando notou a presença da Marrom, o público já presente nas arquibancadas começou a chamá-la e ela, esbanjando simpatia, acenava para todos! Em seguida desceu e foi cumprimentar o setor 1 (a arquibancada considerada o termômetro da Sapucaí e foi verdadeiramente ovacionada). Só então voltou para trocar de roupa e desfilar pela sua querida Mangueira.

A bateria fez sua entrada de apresentação e Alcione veio logo à frente. Após as palavras da presidente da escola, Chininha, entoou os primeiros versos do samba, assim como fez na gravação oficial e nos ensaios em que ela marcou presença.

Com o espírito mangueirense aflorando, as bandeirinhas verde-e-rosa balançavam em toda a extensão da passarela do samba, e a Estação Primeira passou com uma animação e samba no pé únicos na noite inteira! A escola toda cantava o samba e, animados, fizeram um desfile muito mais bonito que o oficial.

Alcione veio juntamente com a rainha da bateria, Graciane Barbosa. Quando abria os braços com suas mangas de plumas rosas, era calorosamente aplaudida seja nas arquibancadas, frisas ou camarotes! Como havia prometido antes do desfile, parou em frente ao camarote onde estávamos e posou para seu Blog Morena Forrozera, dando uma “sambadinha especial”, nas palavras dela.

Depois do desfile, Alcione foi ao camarote do prefeito da cidade, Eduardo Paes, e retornou ao camarote da LIESA, onde pode assistir conosco o resto do desfile das escolas. Tudo em meio a muitas risadas, brincadeiras e emoção. Durante a noite, ainda ganhamos a companhia especial de Emilio Santiago, Jussara (famosa backing vocal) e Nilcemar (neta de Cartola e Dona Zica)!

Componentes de todas as escolas quando viam Alcione e Santiago, paravam para cumprimentá-los, gritado que amavam os dois, jogando beijos ou simplesmente batendo palmas. Ambos retribuíam o carinho de cada fã.


Finalmente era chegava a hora do desfile da campeã, Acadêmicos do Salgueiro! Todos nós estávamos empolgados para ver a escola que merecidamente levou o título do carnaval carioca de 2009.

Assim terminou nosso carnaval. Quando deixamos a Marquês, o sol já estava em pé e o povo no morro da Mangueira também. Foi lá que deixamos Nilcemar, para só depois retornarmos para casa. Sem dúvida alguma, foi um dos maiores espetáculos que eu já vi e uma das inesquecíveis alegrias e emoções que Alcione me proporcionou mais uma vez!

Nenhum comentário:

Postar um comentário