Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!

23 junho, 2009

A Festa do São João do Maranhão é única em todo o país.

A segunda quinzena do mês de junho é quente no Maranhão. É quando começa a tradicional Festa do São João no estado, uma comemoração sem igual em todo o Brasil. Nas ruas, as barraquinhas de palha, as bandeirolas, as fogueiras, os licores e as comidas típicas. A diferença fica por conta das muitas manifestações culturais que ocorrem durante o São João e que fazem desta festa um dos momentos mais ricos da cultura popular do País.

A festa no Maranhão é como um caleidoscópio da riqueza cultural, artística e folclórica, onde o Bumba-meu-boi é a mais expressiva delas. Mas tem mais cultura neste São João, como a sensualidade do Tambor-de-crioula (uma dança herdada dos escravos e conduzida por tambores em um ritmo frenético, onde as mulheres em movimento sensual, coroam a dança com uma "umbigada"), a Dança do Coco, o Lelê, o Cacuriá, a Dança de São Gonçalo, Bambaê de Caixa, a Dança Portuguesa e a tradicional Quadrilha. A presença do povo, a alegria dos participantes e todas estas atrações culturais fazem da Festa de São João do Maranhão uma comemoração verdadeiramente diferente de tudo o que você já viu!

E com todo o orgulho de trazer em sua história essas influências, Alcione sempre revive a Festa Junina em sua casa no Rio de Janeiro, cercada da família e dos amigos (como nas fotos abaixo, de 2003), e quando é possível, vai até o Maranhão para se divertir e prestigiar as comemorações por lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário