Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


30 setembro, 2009

Jô Soares recebeu Alcione.

Por Carlos Fernando Marão

É sempre bom quando Alcione vai ao Programa do Jô. Isso porque o clima descontraído entre eles nos dá a impressão que o encontro aconteceu por acaso, como se não fosse nada agendado, algo bem informal. Foi assim que Alcione foi entrevistada por ele na tarde desta última terça-feira (29), quando gravaram o último programa, que vai ao ar logo mais.

A organização da produção é impecável! A seriedade convive com a simpatia inigualável de todas as pessoas que trabalham e fazem da Globo a maior emissora do país, com méritos inquestionáveis.

Acompanhada da Banda do Sol, nossa Marrom fez dois musicais na íntegra e ao vivo: "Acesa", música que dá nome ao novo cd; e "Não Deixe O Samba Morrer", aquela que lhe proporcionou a concretização de uma carreira que já faz 37 anos de sucesso absoluto! Ainda cantou um trecho de "Chutando O Balde" que, no cd, canta com Simoninha.




Alcione cantou "Acesa" e "Não Deixe o Samba Morrer"

Conversando com Chiquinho Oliveira no intervalo da gravação

Carlos Fernando, Claudinha, Soca e Luíza

Nenhum comentário:

Postar um comentário