Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


25 setembro, 2010

A Loba mais sexy!

A senhora da foto ao lado é considerada uma das maiores divas do nosso país. Dom de berço. Carreira sólida. Sempre representando como poucos a música que se faz no Brasil. Aplaudida pela crítica em quase quarenta anos de carreira, ela faz parte da história da nossa música. E mais do que isso... segundo Rodrigo Faour, ela faz parte - é peça chave - da História Sexual da Música Popular Brasileira. Sempre cantando o amor e a paixão no ritmo que melhor couber, no tom que ditar a ocasião. Bolero, samba, pop... Em se tratando de música, Alcione sabe como ninguém ser competente, no sentido mais promíscuo da palavra. Ela topa de tudo. Na hora que for. E nesta noite, desafiada pelo mestre de cerimônias, ela, humilde, se desculpou pelo improviso. Fez melhor. Cantou sem ensaio uma música que gravou no início de sua carreira, quando sua voz ainda desenhava o vulto da grande diva que se tornaria tantos anos depois. Tudo pela música. Intrépida. Valente, do mesmo modo como é na vida. Uma verdadeira loba. Troféu Loba Sexy. Este foi o prêmio que recebeu do jornalista Rodrigo Faour na mesma noite. Uma homenagem personalizada aos artistas que contribuem para tornar a Mpb mais sexy e quente, como ele mesmo diz. Marrom merece todas as reverências! Parabéns, Faour!

O evento aconteceu no Centro Cultural Carioca e comemorou os dois anos do programa "Sexo MPB" da MPB-FM/Rio e a estreia da nova temporada do programa "História Sexual da MPB" no Canal Brasil , além do lançamento do CD "Sexo MPB com Rodrigo Faour" (EMI). Estiveram presentes ícones como Lana Bittencourt, Ademilde Fonseca, Waleska, Fátima Guedes, Eliana Pittman, Perla, Angela Ro Ro e outros. Todos eles foram agraciados com troféus. Ademilde Fonseca – Veterana sexy; Eliana Pittman – Diva exuberante; Waleska – Diva da Fossa sexy; Fátima Guedes – Mulher Muito intensa reincidente; Márcia Castro – Revelação sexy; Alcione – Loba sexy; Lana Bittencourt – Explosão Passional; Márcio Gomes, Alfredo Del-Penho e Pedro Paulo Malta – Revelação sexy; Angela Ro Ro – Vulcão trepidante; Edy Star – Divo desbundado; Fernanda Abreu – Diva pop samba funk; Toni Garrido – Black is beautiful; João Roberto Kelly – Muso do Bole-bole; Manhoso – Rei do Pornô-forró; Frenéticas – Carnaval-Disco girls; Cláudia – Voz de ouro; Perla – Explosão tropical.





Nenhum comentário:

Postar um comentário