Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


25 novembro, 2009

Alcione comemora aniversário com familiares e amigos.



A cor e o som do Maranhão foram o tema para a comemoração do 62º aniversário da Marrom. A festa aconteceu na noite de ontem (24) em sua casa, na Barra da Tijuca. Na lista de convidados estavam a família e amigos, alguns deles famosos como Zeca Pagodinho, Jorge Aragão, Sombrinha, Miguel Falabella, Diogo Vilella, Carlinhos de Jesus, Ivo Meireles, Antônio Pitanga , Benedita da Silva, a dupla angolana Os Gênesis, Altay Veloso, Ailton Graça, Telma Tavares, Amin e David Brasil.

Alcione e Antônio Pitanga
Alcione, que todo ano promove show beneficente para o natal de famílias carentes, pediu de presente um brinquedo de menina e um de menino. O show este ano acontece no dia 14 de dezembro, novamente na Cidade do Samba.

Na frente da casa, uma plataforma forrada com tapete vermelho seria o palco para a apresentação da Companhia Barrica, grupo folclórico que divulga a cultura maranhense pelo Brasil afora e inclusive em outros países. Mas antes deles, Alcione anunciou um número transformista. Michel fez bonito na pele de Evita Perón! Em seguida, chamou ao centro do palco o amigo e poeta Augusto Tampinha, que é compositor da música “Asas de Carcará”, do disco “Brasil de Oliveira da Silva do Samba”, de 1994. Ele, no improviso, recitou um poema lindo. E já que o Grupo de Dança de Marcelo Chocolate e Scheila Aquino ainda se preparava para apresentar o número deles, Marrom também entrou na roda e recitou outro poema.

Falabella entrou na dança com o Barrica
Alcione se divertiu com o Barrica
A Companhia Barrica, tão esperada, entrou na sequência. O grupo surgiu há 24 anos no Bairro Madre Deus, em São Luís, próximo à Rua do Norte, onde nasceu Alcione. Ela, que traz suas raízes cravadas no coração, é incansável neste trabalho de disseminar suas origens através de sua música. A alegria dela estava estampada nos olhos e nas palavras que proferiu antes de anunciar a apresentação. Disse que se sentia realizada por contar com a presença deles numa data tão importante, e que esse desejo era antigo. A recíproca, mais que verdadeira, parece ter tornado o espetáculo mais fascinante ainda. Bumba-meu-boi, Tambor de Crioula, Bicho-Terra e Boizinho Barrica. Deu bem pra sentir o que significa ser maranhense!

Aliás, o Maranhão estava lá também na decoração feita no capricho por Chico Coimbra. Uma pessoa encantadora, que adorei conhecer. Ele é o responsável por colocar a casa no tom da festa, e trouxe a maioria das coisas direto do Maranhão. Dedicação e sensibilidade que se percebe no efeito final.

Joelma e Chico Coimbra

Carlos Fernando e Joelma (ao fundo, a decoração de Chico Coimbra)
No cardápio, não poderiam faltar as comidas típicas. Torta de caranguejo e farofa de Neston feitas pela dona da casa, cuxá, bobó de camarão, o famoso bolo de macaxeira de Ivone, sorvete de coco, de juçara e cupuaçu. Além, é claro, do delicioso guaraná Jesus e da animação de todos os convidados! Uma mistura perfeita! Um povo alegre, que sabe como ninguém nos deixar à vontade. Só posso agradecer a Alcione pelo convite e pela oportunidade de fazer parte de um momento importante como esse; a Solange pelas palavras de reconhecimento e carinho; e a toda essa grande família marrom pelo acolhimento.

Alcione e Carlos Fernando

Joelma e Solange

Maria Helena, Rosana, Carlos Fernando, Aline, Joelma e Patrícia

Didico, Rosana, Carlos Fernando, Laís e Joelma

Espoleta, Meime, Joelma, Chico Coimbra e Miúda

Penco, Laís, Aline e Joelma

Patrícia, Vera, Joelma e Claudinha

Carlos Fernando, Da Paz, Joelma e Luizinho

2 comentários:

  1. "COMO SEMPRE, PARABÉNS AMIGA JOELMA; POIS ESSE BLOG, ESTÁ CADA VEZ MELHOR !!!!! COM MUITO, CARINHO E RESPEITO DIVULGANDO O TRABALHO DE NOSSA DIVA MAIOR; POIS ELA MERECE, NÃO É E NUNCA SERÁ UMA QUALQUER !!!!! RSRSRSRS "
    ELIAS GOMES - SANTOS-

    ResponderExcluir
  2. Olá Alcione, sou seu grande fã e estou passando por aqui para lhe desejar mais um ano de vida, que Deus a proteja sempre e q vc continue sempre assim essa pessoa maravilhosa.

    Parabéns!!!

    João Cordeiro.

    ResponderExcluir