Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!

18 abril, 2010

"Acesa" em João Pessoa: mais um show inesquecível!


Por Viviane Andreza
Eu, Gil e Reginaldo chegamos à Domus Hall por volta das 20:30hs para prestigiar mais uma vez a nossa cantora Alcione. Ficamos ansiosamente à espera. Por volta das 23hs chegou sua banda e sua produção, que à pedido de Claudinha, produtora da Marrom, vieram nos cumprimentar. Foram de uma atenção ímpar! Tiramos de imediato fotos com todos e fomos muito bem recebidos por esta equipe de produção que é nota 1000.

Às 23:30hs quem aparece? A nossa querida Marrom, que ao descer do carro deu boa noite a todos e seguiu para o camarim. Penco, com toda aquela atenção e simpatia, a quem eu quero, neste momento, agradecer de coração, veio falar conosco e pediu para esperarmos, que falaria com Claudinha. Em seguida, veio o segurança e pediu que o pessoal do fã-clube o acompanhasse. E lá fomos nós, sorridentes e pisando em nuvens.

Quando chegamos ao camarim, Claudinha nos recebeu mais uma vez com um grande carinho e nos levou ao encontro da nossa rainha, que não fez por menos. Amorosa como sempre, ela nos agradeceu a presença e nos deu toda a atenção. Eu fui a primeira a falar com ela. Entreguei-lhe uma simples lembrança que tinha levado para ela. Ao abrir o presente, olhou para mim e disse: “ pequena, o que é isso? Que coisa linda!” Nessa hora, fiquei numa emoção inexplicável e quando pensei que tinha acabo por ali, ela olhou para mim e disse: “pequena, coloca aqui no meu braço que eu vou fazer o show com a pulseira”. Coloquei a pulseira na Marrom e agradeci a ela por ela existir. Ao que ela respondeu: “obrigada a vocês por existirem”.

Reginaldo e Gil também conversaram com Alcione. Gil mostrou novamente a tatuagem que fez nas costas em sua homenagem com a inscrição “Alcione, a Marrom, é meu xodó”. E a lembrou do presente que deu a ela em outra oportunidade. Reginaldo lhe entregou os CDs que ela pedira na gravação do DVD em São Luís e prometeu devolver-lhes autografados no próximo show em Recife. Quando dissemos a ela que todos os três estaríamos neste show, ela mandou: “ô povo pra gostar de mim!” Rsrs Pois com tanto carinho que ela nos dispensa, como poderia ser diferente?


Então, fomos assistir ao show. Com um grande privilégio, ficamos na primeira fila bem em frente à nossa rainha. Para completar nossa noite, Alcione agradeceu em público a presença do blog. Disse: “eu quero agradecer a presença do meu blog, que me segue de ponta à ponta desse Brasil! Eu quero aplausos pro pessoal que está aqui na frente”. Ficamos em pé e aplaudimos nossa cantora, que durante todo o show prestigiou nossa mesa com olhares, sorrisos e agradecimentos.


Alcione falou ainda do quanto estava feliz por fazer novamente um show em João Pessoa. Disse que o último que fizera na cidade, com a Orquestra Sinfônica da Paraíba, é um show que não sai da sua cabeça, tamanha a emoção que sentiu! E por falar em emoção, o ponto alto do show foi o carinho de Alcione com uma fã. Ela se chama Eliene. Possui uma deficiência física e estava sentada logo à frente. Chorava muito durante o show e dizia que gostaria de cantar uma música com Alcione. Dizia-se a Alcione da Paraíba. Alcione não pensou duas vezes. Pediu para trazerem-na ao palco, mas sem pressa, com o cuidado que ela requeria. Ao lado da Marrom, Eliene se emocionou muito. A Marrom disse que queria escutar a Alcione da Paraíba cantando. E Eliene cantou “O surdo” e depois “Você me vira a cabeça”. Emocionou o público e a própria Marrom, que foi ouvidos atentos e carinhosos. Ficou ao lado dela, com a mão sobre seu ombro e no final, aplaudiu muito também.

O show “Acesa”, com o roteiro maravilhoso de músicas consagradas em sua carreira e músicas novas que está percorrendo todo o Brasil, foi um sucesso total! Nós todos, mais uma vez, voltamos encantados. Não só com o talento desta cantora, mas com sua generosidade, com seu carinho em nos receber mais uma vez, retribuindo o amor que sentimos por ela. Valeu Alcione, obrigada pelo carinho com o nosso blog! Te amamos muito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário