Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!

11 maio, 2010

Alcione voltou à Floripa, depois de 17 anos!


Florianópolis estava de braços abertos para receber Alcione, que depois de 17 anos voltou à ilha para encantar a todos com seu vozeirão quente. E haja calor! A temperatura de 16° C e a chuva que caiu na capital catarinense no último sábado (8) pedia uma dose de “acesume”. Disso, Alcione entende! Como entende!

O show "Acesa" começou às 23 hs e trouxe uma Alcione cheia de saudades. Disse que adorava a tainha assada da região e que o pessoal de lá tinha de trazê-la mais vezes e mais seguido. Não houve quem não concordasse. "A volta desta grande intérprete da MPB é sem dúvida um dos grandes acontecimentos musicais nesta nossa Ilha", disse Orlando Martins Filho, fã incondicional de nossa cantora, que comprou sua mesa com bastante antecedência na primeira fila, também como presente à sua mãe. "Alcione sempre me emocionou e continua emocionando até hoje. As músicas românticas são as minhas preferidas, mas seus sambas me divertem e me fazem muito feliz! Tenho todos seus DVD´s e CD´s. Não passo um dia sem ouvir/ver pelo menos uma música dela."

Amiga do nosso blog, Neiva Campos viajou mais de cinco horas, de Lages à capital, só para ver Alcione. Ela garante que todo o esforço valeu a pena. A emoção, segundo Neiva, foi do início ao fim. Desde os antigos sucessos até os mais recentes, ela perdeu a conta das vezes em que chorou ouvindo a Marrom cantar há poucos metros dela.

“Alcione é uma verdadeira diva! Eu já tinha visto ela uma vez na Mangueira, mas este foi o primeiro show que assisti”. Pelo visto, nossa amiga gostou mesmo. Já está querendo se inteirar da agenda da nossa cantora para, quem sabe, assistir um próximo show em breve! Pois este mês tem Marrom em Moçambique, dia 16. Ela vai, mas volta! Sempre volta, graças a Deus! Dias 25 e 26 tem “Acesa” no Teatro Bradesco em São Paulo; dia 29 ela participa da Festa Junina de Gilberto Gil na Quinta da Boa Vista, no Rio; e dia 30 é a vez do Teatro do Bourboun Country, na capital gaúcha, receber nossa cantora. É... Alcione é um vício bom de se ter!

Nenhum comentário:

Postar um comentário