Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


08 setembro, 2010

Neste vídeo de 1997, a relação de carinho entre Alcione e São Luís, sua terra natal.

O vídeo desta postagem é de 1997. Ana Maria Braga ainda fazia parte do elenco da Rede Record, quando recebeu Alcione em seu programa. Na ocasião, ela prestou uma homenagem à Marrom através de um link ao vivo com São Luís, com a presença de alguns familiares e amigos da cantora. O auditório da Embratel, onde se reuniram, foi pequeno para comportar toda a "turma da Marrom", mas lá estavam Ivone, Mercedes, Wilson, Jorge(irmãos), as colegas da escola normal, Chico Coimbra, César Nascimento, entre tantos outros. Foi a irmã Ivone que mostrou em São Luís alguns lugares marcantes na vida de Alcione: a rua onde ela nasceu, a casa que é patrimônio da família até hoje, o colégio onde estudou, o clube onde cantou pela primeira vez. O vídeo feito há mais de dez anos, é quase uma prévia do que vem por aí na sessão extra do Dvd Acesa. O trabalho, que deve chegar às lojas este mês, concretizou um grande sonho da cantora: gravar um dvd na sua tão amada São Luís. Desta vez, uma homenagem dela à terra que lhe deu a naturalidade da qual tanto se orgulha. Alcione é maranhense! Alcione é ludovicense! Hoje, São Luís está em festa, comemorando seus 398 anos. Terra da Marrom, terra também dos nossos amigos Carlos Fernando, Ray e Zeca Maranhão. E, por tabela, terra de todos nós que, acompanhando a carreira desta diva brasileira, aprendemos a amar São Luís e sua cultura do jeito que Alcione ama. Viva São Luís!

Nenhum comentário:

Postar um comentário