Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


19 abril, 2011

"Samba - Suor Brasileiro" encanta paulistas

Por Carlos Fernando Marão


Com criação de Anselmo Zolla, a companhia de dança Studio 3, se rendeu ao ritmo mais popular do Brasil, em "Samba – Suor Brasileiro". Para o espetáculo, as cantoras Alcione, Paula Lima, Zizi e Luiza Possi foram convidadas para fazer musicais ao vivo, enquanto os bailarinos de Vera Lafer colocavam em prática aquilo que já vem sendo pensado e ensaiado a quase um ano!

A Marrom, como sempre a mais aplaudida, entrou cantando "Trem Caipira". Seguiu com "Não Deixe O Samba Morrer" e, acompanhada das outras cantoras, encerrou o espetáculo com "O Que É, O Que É". Para o Bis, ela voltou ao palco interpretando "O Sol Nascerá".

O show teve renda total revertida para o Instituto de Infectologia Emílio Ribas , direção geral do grande José Possi Neto (irmão de Zizi) e a produção/pesquisa musical ficou sob a responsabilidade de Felipe Venâncio! Um verdadeiro espetáculo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário