Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


18 junho, 2011

Um toque essencial de maranhensidade no São João Carioca

Por Carlos Fernando Marão
Repetindo o sucesso do ano passado, Flora e Gilberto Gil voltaram com o seu São João Carioca para a Quinta da Boa Vista, no Rio de Janeiro! E é claro que a Marrom não poderia ficar de fora dessa, no show que ainda contou com Elba Ramalho e as participações de Exaltasamba, Geraldo Azevedo, Gustavo Lima e outros.

Para deixar o camarim com a sua cara, Alcione levou indumentárias típicas do Maranhão,  e ainda presentou Gil com um estandarte de São Pedro. Pedindo a permissão da amiga, ele passou o presente para Serginho Groisman, apresentador do show e aniversariante do dia do santo, 29 de Junho! Além disso, pousou com exclusividade para o seu blog Morena Forrozera!

O elenco de Cordel Encantado, as cantoras Mart'nalia e Preta Gil, o fotógrafo/maquiador Fernando Torquato, a atriz Fernanda Souza, o colunista Ancelmo Goes, eram algumas das celebridades que circulavam entre os bastidores e a área vip!

Mostrando que não veio nessa terra só porque tem espaço, Alcione, (vestida com uma bata pintada com o rosto de Seu Apolônio, grande cantador de bumba-meu-boi de São Luís) cantou ''Forró do Xenhenhém'' com Elba Ramalho, reverenciou o rei do baião Luís Gonzaga em ''Assum Preto'' e o conterrâneo João do Vale com ''Pisa na Fulô''. Uma festa linda que já está marcada no calendário junino de todo carioca!


Nenhum comentário:

Postar um comentário