Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


22 fevereiro, 2012

O show da Mangueira tem que continuar

Por Raymondh Junior / SRZD
Essa escola de samba tem o estranho poder de emocionar, quer seja por toda sua história no mundo do samba, quer seja por toda contribuição que nos tem prestado para este espetáculo que já dura 80 anos, quer seja por seus baluartes, ou mesmo por seu torcedor, este sim, o mangueirense é o que tem feito desta uma das escolas mais queridas de nosso carnaval. É bem verdade que ja fazem 10 anos que o caneco da vitória não passa pelo Morro de Mangueira, e mesmo assim a verde e rosa continua tendo uma das melhores seleções de sambas enredos do últimos tempos, uma força incrível, mesmo quando vem um 10º lugar com foi em 2008, uma força para recomeçar e acreditar, sim porque essa gente paixonada acredita em sua escola, e sabe que mais do que tudo, tem de fato uma escola de samba.

O carnaval deste ano trouxe de presente ao mangueirense e aos amantes do carnaval, um dos maiores espetáculos já passaram pela Sapucaí, a ousadia e coragem do Mestre Ailton e a Bateria Surdo Um da Estação Primeira de Mangueira, fizeram o povo cantar!!! Que paradaça foi aquela que por instantes silenciou o Sambódromo e fez aquela gente toda cantar, e ao voltar da bateria, os aplausos incontroláveis de quem sabe fazer samba de verdade. 

É claro que precisamos dar valor a plasticidade e beleza da escola, e neste quesito a Velha Manga não deixou a desejar em nada, há muito tempo que eu não via a escola tão bela, tão bem produzida, tão bem cuidada, fora todos aqueles boatos que os maldosos soltam antes do carnaval de que o barracão está atrasado, que os carros estão no ferro, que a Mangueira não vai conseguir terminar seu carnaval (todo ano é essa mesma ladainha), o carnavalesco Cid  Carvalho ao lado do Presidente Ivo Meirelles provaram que dá sim para se fazer um carnaval sem dinheiro, um carnaval sem patrocício e extremamente cultural. A Mangueira com seu carnaval mostrou mais uma vez que não dá pra vender seu maior patrimônio, que é o da cultura, e de fazer seu povo se emocionar.

Da maravilhosa comissão de frente que trouxe a nossa querida Beth Carvalho, Bira (Presidente do Cacique de Ramos) e Jorge Aragão, até o carro dos baluartes com o Presidente de Honra Mestre Delegado, tudo era emoção, Alcione, Luizito, Dudu Nobre, Xandy puxando uma roda de samba no meio da bateria, faz todo mangueirense ir ao delírio.

A Estação Primeira de Mangueira cumpriu seu papel mais uma vez, poderia ter impressionado o público, como outras maravilhosas escolas fizeram este ano, mas preferiu emocionar, e tem coisas que o dinheiro não pode pagar. Estar com  a Mangueira neste momento não tem preço.

Nosso carnaval precisa de menos dinheiro e mais emoção, não para se gastar 10 milhões como muitas fazem por aí, e não emocionar o público, a técnica nunca será para mim, e acho que para a Mangueira, mais importante do que a feliciadade do torcedor, e forma honesta e justa de se fazer samba de verdade.

Parabéns a toda Nação mangueirense, por todo seu samba no pé, pelo canto forte, por todo seu amor encantando a Sapucaí, por ser Mangueira!  

O show tem que continuar! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário