Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


14 junho, 2012

Ensaio para o 23º Prêmio da Música Brasileira

Tudo pronto para a 23ª edição do Prêmio da Música Brasileira! A cerimônia, que acontece nesta quarta (13) levará ao Thetro Municipal do Rio de Janeiro uma bela homenagem a João Bosco. E claro, prestigiará os melhores do ano na música do Brasil.

Nesta terça (12), houve o ensaio geral, já no Municipal. Por lá passaram os artistas que vão cantar na cerimônia. João Bosco também estava no ensaio, acompanhado do filho, Francisco Bosco, que assina o roteiro. José Maurício Machline cuidou da direção, e definiu com cada artista os detalhes dos números musicais.



Os cantores fizeram os últimos acertos com a banda que os acompanhará nas canções: Monica Salmaso e Renato Bráz em "Sinhá", Alcione em "Quando o amor acontece", Criolo em "De frente pro crime". Mariene de Castro e Arlindo Cruz treinaram o dueto em "Nação".

Nenhum comentário:

Postar um comentário