Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


28 setembro, 2012

Amanhã, tem Alcione na Ilha do Amor

Um dos grandes nomes do samba de qualidade vai ser a marca do encerramento dos shows realizados em comemoração aos 400 anos de São Luís. A cantora Alcione, que se apresenta neste sábado (29), na Lagoa da Jansen, falou ao G1 sobre a expectativa para o show. "É uma honra estar na minha terra para celebrar junto com o povo os 400 anos de São Luís. Não é todo dia que se comemora uma data tão importante. por isso, vamos fazer uma grande festa pro povo da minha terra", garantiu a cantora.

No repertório, além dos sambas imortalizados na voz da cantora, Alcione promete mostrar um pouco do seu perfil musical. "Posso dizer que vamos cantar 40 anos x 400", brincou a cantora ao se referir sobre os seus 40 anos de carreira.

Sobre um possível dueto com Zeca Pagodinho - que também se apresenta neste sábado na Lagoa - Alcione não deixou por menos. "Zeca é meu amigo e já que estar na minha terra, vai seguir minhas ordens", declarou.

'É uma honra estar aqui para celebrar os 400 anos de São Luís', diz Alcione (Foto: Bruno Alves)
No show em São Luís, Roberto Carlos disse que Alcione é a maior cantora do Brasil (Foto: Bruno Alves)

No dia do aniversário de São Luís, Roberto Carlos declarou, logo no início do seu show, que ela é a maior cantora do Brasil. Sobre a homenagem, ela também não poupou elogios. "Roberto é um gentleman. E eu só tenho a agradecer por ter cantando com tanto amor na minha cidade. Afinal, foi um belo espetáculo", retribuiu.

E, na noite de encerramento das comemorações dos 400 anos de São Luís, não faltarão homenagens à capital do Maranhão, como prometeu Alcione. "Não tem como vir aqui e não cantar as belezas da minha terra. Existe ilha mais maravilhosa que São Luís?", finalizou cantarolando uma das músicas que irão homenagear a cidade.

Programação
A primeira atração deste sábado (29), na Lagoa da Jansen, será o Sindicato do Samba, seguido pelos puxadores Rose, Vovô da Favela, Gabriel Melônio, Ribão Doludô, Zé Pivô e Oberdan Oliveira. Sob a direção musical de Gordo Elinaldo, eles fazem um pout-pourri com sambas que marcaram a história da música brasileira, incluindo composições imortalizadas nos desfiles das escolas maranhenses.

Outro grande nome do samba a subir no palco da festa será o cantor Zeca Pagodinho. Dono de grandes sucessos, o cantor fará um passeio musical pelos grandes sucessos de sua carreira, como “Vou Botar Teu Nome na Macumba”, “Vivo Isolado do Mundo”, “Água da Minha Sede”, “Vida da Minha Vida”, “Verdade”, “Vai Vadiar”, “Coração em desalinho”, “Vacilão”, “Uma prova de amor”, “Tempos de Don Don”, “Terreiro em Acari”, “Tempo de Criança”, “Seu Balancê”, “Sem essa de malandro agulha”, “Se tivesse dó”, “Quem é Ela”, “Deixa a Vida me levar e muito mais.

A festa na Lagoa da Jansen está prevista para começar às 19h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário