Sejam Bem-vindos


Quem a ouve não esquece... Voz exuberante e inconfundível à serviço da alma, refletindo a entrega de quem não teme se doar por inteiro. O poder e a sensualidade da voz negra que tinge a aquarela da música brasileira de marrom, com todo o suingue, brilhantismo e carisma de quem tem certeza que não está aqui por acaso. Vinte e oito discos de ouro e oito de platina, sendo dois deles de platina duplo. Inúmeros prêmios da MPB: Sharp de Música, Caras, Globo de Ouro, Rádio Globo, o Antena de Ouro, Tim, entre outros. Além desses, prêmios de grande vulto internacional como O Pensador de Marfim (concedido pelo Governo de Angola), Personalidade Negra das Artes (concedido pelo Conselho Internacional de Mulheres) e A Voz da América Latina (concedido pela ONU). Este blog é dedicado à cantora mais popular do Brasil. Filha do nosso chão, orgulho nosso. Uma mulher, uma negra, uma nordestina, uma brasileira guerreira: Alcione, a Marrom!


13 novembro, 2013

Alcione vai celebrar Dominguinhos e Jovelina em registro ao vivo no Rio

Parceria de Dominguinhos (1941 - 2013) com Anastácia, lançada por Nana Caymmi em álbum de 1979, Contrato de separação vai ganhar a voz de Alcione na gravação ao vivo do show Eterna alegria, agendada para 21 de novembro de 2013 na casa Barra Music, no Rio de Janeiro (RJ). A Marrom - vista em foto de Marcos Hermes - vai cantar Contrato de separação na companhia da sanfona de Cezinha do Acordeom, um dos convidados da gravação que vai dar origem em 2014 a CD e a DVD editados pela Marrom Music em parceria com a gravadora Biscoito Fino. Zeca Pagodinho vai entrar em cena em Êh, êh, samba que compôs com Djavan - inaugurando parceria com o artista alagoano - e que foi lançado por Alcione no CD Eterna alegria, nas lojas desde junho. Com Tárcio Cardo, cantor contratado pelo selo Marrom Music, a Marromvai cantar Mudança dos ventos (Ivan Lins e Vítor Martins, 1980) - outra música lançada na voz de Nana Caymmi - e A voz de uma pessoa vitoriosa (Caetano Veloso e Waly Salomão, 1978). Com Andreia Caffé, cantora contratada pela Marrom Music, Alcione vai se juntar emSorriso de banjo (Fidélis Marques, Bira da Vila e Melodia Costa), samba que abriu o sexto álbum da cantora e compositora carioca Jovelina Pérola Negra (1944 - 1998), Vou na fé(1993). Já a música a ser cantada com a dupla Victor & Leo ainda está em fase de escolha. Estão previstas também no roteiro do show - feito com direção de Solange Nazareth e produção musical de Jorge Cardoso - as inéditas Essa gente de Mangueira (Toninho Geraes), A dama e o vagabundo (Jefferson Jr e Umberto Tavares) e Não me venha outra vez(Jason e Lúcia). O diretor Jodele Larcher vai comandar toda a captação das imagens do show.

Fonte: Notas Musicais

Nenhum comentário:

Postar um comentário